Curso de Capacitação em Esporte Paralímpico começa na segunda, 25

Esta é a 1ª edição do curso, patrocinado pelo Comitê Brasileiro Paralímpico focado em 4 modalidades

Postado em: em Educação

Franca será palco na próxima semana, do 1º Curso de Capacitação de Esporte Paralímpico, com a marca da inclusão, patrocinado pelo Comitê Brasileiro Paralímpico e com o total apoio da Prefeitura de Franca, focado em quatro modalidades. 

A abertura está programada para o teatro da Universidade de Franca, na segunda-feira, 25 de novembro, às 8 horas, no Parque Universitário (Av. Dr. Armando Sales de Oliveira, 201), onde autoridades locais e do Estado darão as boas-vindas aos participantes, seguido das atividades iniciais que nesse primeiro dia será toda centralizada no local.

O convidado Edilson Alves da Rocha, estará discorrendo ao longo do dia sobre a Introdução ao Movimento Paralímpico. A partir do segundo dia os trabalhos serão descentralizados, conduzidos por professores especializados que compartilharão suas vivências e saberes a partir das 7h30 e durante a terça e quarta-feira.

 Sobre atletismo, no ginásio de Esportes do Jardim Cambuí, a capacitação será coordenada pelo professor Alex José Sabino; sobre Gooalboll, Sílvia Helena Piantino Silveira estará com os participantes no ginásio de esportes ‘Amauri Destro’, ao lado do ginásio Pedrocão. 

Já sobre bocha, Rodrigo de Souza Freitas, conduzirá a sua capacitação na Apae (Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais) e sobre o vôlei sentado, no ginásio de esportes do Champagnat, falará o professor Ubiratan Kuripana.

Com as inscrições esgotadas, esse curso atraiu candidatos das mais diferentes regiões do País e notadamente da região, não apenas professores de educação física, como técnicos e demais profissionais que lidam com o esporte. 

Trata-se de uma oportunidade sem igual para atualizar conhecimentos, trocar experiências e ter acesso a novas ferramentas de inclusão, onde o alvo não é apenas saber trabalhar as pessoas com deficiência, mas também e particularmente aquele que não tem deficiência mas precisa de conhecimento sobre como enxergar e respeitar aqueles que têm suas limitações.

Maiores informações podem ser obtidas na Secretaria da Educação, tel. 3711-9216, com Lígia ou Radmila.


Artigos Relacionados