Transpiração excessiva nas axilas: saiba o que fazer para diminuir a sudorese

  • F. A. Barbosa
  • Publicado em 27 de novembro de 2021 às 21:00
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Especialista revela que há vários tratamentos que podem ajudar no controle do suor e encerrar com este incômodo

Especialista revela que há vários tratamentos que podem ajudar no controle do suor e encerrar com este incômodo

A alta sudorese – a produção excessiva de suor – é bastante comum e, normalmente, é considerada um grande incômodo.

Além das marcas de suor nas roupas e o mau odor, quem tem esse problema transpira muito fazendo exercícios físicos, em dias de calor e até mesmo quando come algo apimentado ou muito quente.

O que pode significar toda essa transpiração? Um desodorante específico é capaz de diminuir este desconforto? O DermaClub conversou com a dermatologista Giselle Sanches, de São Paulo, que esclareceu o assunto.

O que pode ser?

Se o suor nas axilas gera muito desconforto para você, causando marcas embaixo do braço e um forte odor, podemos denominar esse problema como hiperidrose.

“Isso acontece devido a um desequilíbrio do sistema nervoso e, se há excesso de suor combinado com mau cheiro, denominamos bromidrose, que é causada por bactérias e fungos”, explicou.

A médica conta que, para esses casos, as causas podem ser diversas, desde a obesidade, menopausa, uso de antidepressivos, alterações endócrinas, ingestão de certas comidas condimentadas e até ansiedade.

Por isso, é tão importante procurar um dermatologista para saber qual o seu agente motivador e o melhor tratamento.

Como controlar a sudorese?

Gisele revela que há vários tratamentos que podem ajudar no controle do suor e vão depender da intensidade dos sintomas de cada pessoa.

O uso de desodorantes comuns pode não diminuir a hiperidrose. Por isso, é tão importante consultar um dermatologista para indicar um produto com componentes que ajudam a controlar o suor excessivo.

Outra opção é a aplicação de toxina botulínica diretamente na região, provocando a diminuição ou a interrupção da produção de suor pelas glândulas sudoríparas. “Em casos mais graves é realizado uma cirurgia para interromper o suor excessivo”, esclareceu.

Quais cuidados devemos ter?

– Optar por roupas mais claras, preferencialmente de algodão ou linho, que absorvem mais o calor debaixo dos braços, e trocá-las diariamente;

– Evitar banhos muito quentes, pois podem fazer você suar mais;

– Higienizar bem as axilas com esponja e sabonete antissépticos, retirando bem o produto e secando bem a pele;

– Depilar as axilas ou manter os pelos bem curtos, já que estes retêm as bactérias.


+ Bem-estar