Cantora Katy Perry é proibida de entrar na China para desfile da Victoria’s Secret

  • Entre linhas
  • Publicado em 21 de novembro de 2017 às 14:39
  • Modificado em 8 de outubro de 2020 às 18:27
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Proibição se deu por incidente ocorrido em 2015, quando ela usou um vestido considerado ofensivo

A cantora Katy Perry não vai mais se apresentar durante o desfile da grifeVictoria’s Secret em Xangai, na China. Segundo o site “PageSix”, do jornal “New York Times”, a americana teve o visto negado pelo governo chinês e será substituída no evento por Harry Styles, ex-One Direction.

A decisão de negar o visto à Katy Perry provavelmente aconteceu por conta de um incidente em 2015, quando durante uma apresentação em Taiwan, a cantora usou um vestido brilhante e cheio de girassóis, um símbolo adotado por manifestantes anti-China em 2014. Além disso, Katy também mostrou a bandeira de Taiwan durante o show, deixando claro seu apoio à briga pela independência do país, que luta com a China por sua autonomia.

“Para todo artista que quer se apresentar na China, os oficiais fazem uma verdadeira varredura nas redes sociais e na imprensa para ver se eles fizeram algo ofensivo para os chineses“, explicou uma fonte ao site “PageSix”. Outra que não estará no desfile é a modelo Gigi Hadid, que postou um vídeo zombando de uma boneco de Buda e foi muito criticada por internautas asiáticos.