Formula Chopp

Gigante do e-commerce Alibaba é hackeado; 1 bilhão de dados de clientes são roubados

  • Nene Sanches
  • Publicado em 18 de junho de 2021 às 19:30
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Caso já tenha usado algum dos serviços do Alibaba, existe a possibilidade que seus dados estejam comprometidos.

O grupo Alibaba, o gigante chinês do e-commerce com sede em Hangzhou, foi a vítima mais recente de um ataque hacker.

No entanto, as fontes indicam que desta vez o caso não está ligado a um ransomware, mas sim a um dos parceiros da companhia.

De início, vale ressaltar que o Alibaba atravessa momentos turbulentos na China, estando envolvido em processos regulatórios e multas milionárias por práticas consideradas monopolistas no país.

Em meio a polêmica, um vazamento sugeriu que o grupo asiático teria sido vítima de um grande roubo de dados.

Bilhões de informações privadas de clientes teriam sido roubadas, ou seja, caso já tenha usado algum dos serviços do Alibaba, existe a possibilidade que seus dados estejam comprometidos.

Confidenciais

De acordo com notícia divulgada pelo portal Olhar Digital, a lista de vazamento inclui nomes de usuário, números de telefone e outras informações confidenciais.

O site chinês ‘163.com’ foi o primeiro a notar o problema. Na quarta-feira (16), a informação também foi confirmada pelo portal de notícias Bloomberg.

Conforme a publicação, o Taobao, outro site de compras de propriedade da Alibaba, teria sofrido o vazamento massivo de informações.

O que chama a atenção é que os dados foram roubados por um dos comerciantes afiliados a plataforma de vendas usando um software rastreador discretamente implementado na infraestrutura do Taobao.

A ameaça operou em segundo plano por vários meses antes que o grupo Alibaba finalmente a detectasse.


+ Tecnologia