Ponte no Complexo Viário Champagnat começa a receber vigamento

  • Rosana Ribeiro
  • Publicado em 5 de novembro de 2020 às 00:33
  • Modificado em 11 de janeiro de 2021 às 07:27
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Foram instaladas 37 vigas de concreto da nova ponte que vai interligar as duas pistas da Av. Champagnat

Avançam em ritmo acelerado as obras do futuro Complexo Viário do Champagnat e avenida Dr. Alonso y Alonso, onde a Prefeitura de Franca deu  mais um passo importante no último final de semana, com a instalação das 37 vigas de concreto da nova ponte que vai interligar as duas pistas da Av. Champagnat. 

Aquelas pessoas que circulam pelas imediações observam no centro da antiga rotatória a movimentação intensa de máquinas e homens diariamente da manhã até o começo da noite.

Nas proximidades, alguns metros acima nos dois lados do Córrego Cubatão, na altura das ruas Dr. Antônio de Pádua Faria e Dr. Jairo Amâncio de Castro, as máquinas trabalham na conclusão das estacas raiz que darão sustentação a segunda ponte. 

Esse dispositivo permitirá que seja completado o sistema de retorno, como existe na ponte próxima da cachoeira entre os Jardins Consolação e Veneza.

Esse Complexo Viário projetado pela Prefeitura, a partir de recursos federais transferidos através do Pré-Sal, compreende a construção de uma passagem em nível no local onde existia a rotatória, com a existência de 4 alças de acesso que vão interligar as duas avenidas.  

O objetivo é reduzir os frequentes congestionamentos. A Secretaria de Planejamento Urbano faz o acompanhamento diário da evolução dos serviços, cujo contrato prevê a conclusão até o final do ano, depois de um aditamento se que se fez necessário ante a alguns problemas de ordem técnica que surgiram.

As 37 primeiras vigas instaladas que integram a estrutura do tabuleiro medem 13,20 metros de extensão e são do tipo trem TB-400, que suportam cargas equivalentes a uma carreta de 45 toneladas em movimento. 

Para a segunda ponte estão previstas 24 vigas com o mesmo padrão. A etapa seguinte será a concretagem desse tabuleiro e os serviços complementares de encabeçamento nos dois lados.