Flávia Lancha volta de viagem, após eleição, e diz que vai ficar na política

  • Joaquim Felix
  • Publicado em 10 de dezembro de 2020 às 14:34
  • Modificado em 11 de janeiro de 2021 às 11:04
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Em live pelo Instagram ela diz que saiu fortalecida com 56.151 votos e buscará ações para o Município

A empresária ainda continua sentida com a derrota, mas não está abalada - e diz que continuará lutando pela cidade

​A empresária Flávia Lancha, derrotada por Alexandre Ferreira no segundo turno das eleições 2020 em Franca, se diz fortalecida depois de uma semana do 2º turno.

“Aprendi a lição. Sofri com as fake news. Vou continuar meu trabalho. Não sei se saio ao cargo de deputada ou a prefeita, mas uma coisa é certa – continuarei na política francana”, detalhou Lancha em sua live no Instagram, ontem à noite.

Flávia foi vitoriosa no primeiro turno das eleições, mas acabou derrotada no segundo turno por Alexandre, que teve quase 20 mil votos a frente.

A empresária ainda continua sentida com a derrota, mas não está abalada. “Eu não esperava pela enxurrada de fakes, pois sempre trabalhei na minha vida inteira. Lutei por uma política pela melhoria de vida. Mas, tudo é um aprendizado”, relatou.

Ela ainda esclareceu sobre seu diagnóstico de saúde. Relatouque tinha sido surpreendida por uma virose forte e que os sintomas era para Covid 19. Mas, foi descartado. No entanto, por recomendações médicas ficou em isolamento na semana da eleição. 

Flávia, que passou por alguns partidos antes de se filiar ao PSD, comentou que se preparou nos últimos dois anos para fazer a diferença e ser a prefeita da cidade. E acabou derrotada.

“Vivi um momento de luto com o resultado eleitoral. Mas, tive a força de minha família com a qual passei pós eleição e estou de volta”, relatou.

PRESENÇA DAS MULHERES

Flávia emitiu uma forte opinião sobre a inserção das mulheres. “Elas mesmos, infelizmente, tem preconceito em votar numa mulher. A Câmara Municipal de Franca elegeu apenas duas mulheres e era importante fazer 50% das cadeiras. A equidade precisa existir”, citou.

Ao falar sobre política Flavia anunciou que a política corre nas veias e que as portas para seu nome estão abertas. “Não fugirei de nada seja qual for a melhor solução vou trabalhar para isso”, comentou.

A empresária vai iniciar um canal direto com a cidade e seus moradores. E com ações orientativas diz que ajudará as pessoas; vou provocar discussões e encontrar alternativas para o Município.

Com apoio de vários líderes de inúmeros segmentos, a empresária espera contar com a inserção de inúmeros projetos nos anos vindouros.

“Eu conquistei uma credibilidade e quero melhoria para minha cidade”, finalizou o bate papo depois de 30 minutos.