Estados Unidos e Argentina continuam sendo os maiores destinos do calçado nacional

  • Roberto Pascoal
  • Publicado em 17 de junho de 2022 às 18:30
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Exportações para a Argentina e outros países da América do Sul aumentaram em 30%

Exportações para a Argentina e outros países da América do Sul aumentaram em 30%

Os Estados Unidos e Argentina são os principais destinos do calçado brasileiro, de acordo com o levantamento oficial da Abicalçados.

Segundo a entidade, o setor calçadista vive um momento em que as exportações para a América do Sul estão 30% acima dos níveis pré-pandêmicos nos dias atuais..

A Abicalçados afirma que existem fatores macroeconômicos e até políticos que vêm influenciando nos resultados.

No fator político, destaque para a guerra comercial entre Estados Unidos e China, que acabou sobretaxando os calçados chineses importados por compradores estadunidenses, que abre mais espaço para os calçados brasileiros.

No macroeconômico, destaque para o encarecimento dos fretes da Ásia, que tem feito com que compradores busquem fornecedores geograficamente mais próximos.

“Neste caso, como somos a maior indústria fora da Ásia, aparecemos como um player relevante”, avalia Heitor Ferreira, presidente da Abicalçados.

O segundo destino do calçado brasileiro nos cinco primeiros meses do ano foi a Argentina, para onde foram embarcados 6,82 milhões de pares, que geraram US$ 74,62 milhões, incrementos de 64% e 93,7%, respectivamente, ante igual intervalo de 2021.

No terceiro posto aparece a França, que no período importou 4 milhões de pares por US$ 29,4 milhões, altas de 31% em volume e de 25,2% em receita em relação aos mesmos cinco meses do ano passado.


+ Economia