Formula Chopp

Empresas em Franca buscam giro de capital emergencial, através do Banco do Povo

  • Dayse Cruz
  • Publicado em 13 de abril de 2021 às 08:00
  • Modificado em 13 de abril de 2021 às 23:05
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Sebrae e Banco do Povo orientam empresários a conseguir linhas de créditos na pandemia

O banco permite também o uso do faturamento de 2019 (pré-pandemia) na negociação do empréstimo, visando beneficiar o cliente

Os micro empresários podem buscar no Sebrae e Banco do Povo facilidades para linhas de créditos nessa pandemia..

Através do governo do Estado, esses empresários poderão ter acesso a capital de giro na segunda linha de crédito emergencial com recursos próprios aberta em 2021.

Microempresas (faturamento anual até R$ 360 mil) dos segmentos de comércio (entre elas, academias e salões de beleza), turismo e cultura e economia criativa podem solicitar crédito para capital de giro com taxas de 1,0% ao mês acrescido da SELIC, prazo de 60 meses para pagar e carência de 12 meses.

Excepcionalmente, o banco dispensa a obrigatoriedade da apresentação de Certidão Negativa de Débitos (CND) e débitos inscritos no Cadin Estadual durante a pandemia não serão considerados impeditivo para concessão de crédito.

Para auxiliar na obtenção de garantias, o Desenvolve SP oferece a opção do Fundo de Aval – FDA, fundo garantidor criado pelo Governo do Estado.

O banco permite também o uso do faturamento de 2019 (pré-pandemia) na negociação do empréstimo, visando beneficiar o cliente.

As novas condições vão facilitar ainda mais o processo.

Microempresários podem fazer a solicitação de forma 100% online no site http://www.desenvolvesp.com.br.


+ Comércio