Marcelo Adnet tem 3º samba-enredo escolhido para o Carnaval de SP

Foi a primeira vez que humorista da Globo concorreu nas eliminatórias para o samba da Rosas de Ouro

Postado em: em Um Toque a +

Marcelo Adnet emplacou três sambas em três escolas diferentes em SP

Marcelo Adnet está tendo uma estreia meteórica no Carnaval de São Paulo. Na madrugada de sábado (26), ele teve mais um samba-enredo escolhido por uma escola de samba da capital paulista. Desta vez, pela Rosas de Ouro.

Foi a primeira vez que humorista da Globo concorreu nas eliminatórias para o samba-enredo da escola da zona norte de São Paulo. Ele assinou a canção ao lado de outros 11 compositores: Godoi, Luciano Godoi, Diego Nicolau, André Ricardo, Douglas Chocolate, Jacopetti, Cacá Mascarenhas, Liso, Antonio Júnior, Hudson Luiz e Andréia Araújo.

O enredo da Rosas de Ouro se chama "Sanitatem", que significa cura em latim, e está sendo desenvolvido pelo carnavalesco Paulo Menezes para o Carnaval de 2021. A escola vai falar sobre diferentes formas de cura através de ritos, cerimônias e práticas religiosas, místicas e tribais.

A obra concorreu com outras três finalistas, que foram apresentadas na quadra social da escola com transmissão ao vivo pelo Youtube.

"Como o tema da Rosas sugere, o samba tem o poder de curar", afirmou Marcelo. "E o samba é um patrimônio nossa cultura, da nossa história e fico muito feliz em representar, como compositor, bandeiras tão importantes para cultura do Brasil. Agora será da Brasilândia [bairro onde a escola foi fundada] para o mundo."

Vale lembrar que Adnet já teve outros dois sambas-enredo eleitos por escolas de samba de São Paulo para o Carnaval de 2021. Em 29 de agosto, a música que ele assinou com outros parceiros foi eleita pela Dragões da Real para defender o enredo "O Dia em que a Terra Parou".

Já na madrugada do sábado da semana passada (19), foi a vez da Gaviões da Fiel escolher o samba do grupo de compositores do qual ele fazia parte, com a composição "Basta".

Adnet também foi anunciado como carnavalesco, ao lado de Ricardo Hessez, do Botafogo Samba Clube, que desfila na terceira divisão do Rio. A escola vai homenagear João Saldanha com o enredo "Um Apaixonado pela Verdade Caminhando em Tempo de Ilusão".

O humorista estreou no Carnaval em 2020, como um dos compositores do samba-enredo da São Clemente, no grupo especial do Rio, com o tema "O Conto do Vigário". No mesmo ano, ele também foi um dos autores de "Seria Injusto Não Falar de Você, Beth Carvalho - Esse É o Botafogo Que Eu Gosto", do Botafogo Samba Clube.


Artigos Relacionados