Pesquisa pós Dia das Mães do IE-ACIF revela superação de expectativas em Franca

  • Rosana Ribeiro
  • Publicado em 13 de maio de 2021 às 10:30
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Antes da data, 42% dos comerciantes esperavam crescer até 5% em vendas e, no pós, 50% disseram ter crescido mais de 20%; ticket médio também foi maior

Resultado da pesquisa mostrou superação das expectativas do comércio em Franca

 

O IE-ACIF (Instituto de Economia da Associação do Comércio e Indústria de Franca) realizou, no último dia 11, uma pesquisa junto ao comércio para saber como foi o desempenho do setor neste Dia das Mães e o resultado mostrou uma superação das expectativas investigadas antes da data.

Entre os dias 3 e 5 de maio, a pesquisa pré Dia das Mães mostrou que: 42,11% dos comerciantes esperavam um crescimento de até 5%; 42,11% maior que 20%; 10,53% entre 5% e 10% e apenas 5,26% esperava um crescimento entre 10% e 20%.

Na pesquisa atual, que verificou o desempenho após a data, as respostas deram conta de que: 50% dos entrevistados cresceram mais que 20% em relação à mesma data no ano passado; 37,5% aumentaram suas vendas entre 10% e 20% e 12,5% até 5%.

Além disso, a disposição do consumidor em gastar foi maior do que a apontada por ele na semana do Dia das Mães.

Na pesquisa inicial, realizada entre 3 e 5 de maio, a maioria (55%) afirmou que gastaria até R$ 100 com os presentes.

No entanto, 60% dos comerciantes responderam na pesquisa atual terem vendido itens entre R$ 100 e R$ 200 e apenas 30% abaixo de R$ 100.

“Isso, certamente, é um reflexo do comércio aberto. Na loja, o cliente tem a possibilidade de ver outros produtos, passear por vitrines, gôndolas e ser atendido por um vendedor que conhece melhor o produto e acaba oferecendo opções e acessórios, por exemplo”, afirma o presidente da ACIF, Tarciso Bôtto.

“No ano passado, o comércio passou pela data com as portas fechadas e um sentimento de grande insegurança com a evolução da pandemia e sem perspectiva de vacinação. Acredito que a reabertura e o início da imunização cooperaram para o bom resultado”, conclui.

O IE-ACIF entrevistou 62 das 80 empresas abordadas na pesquisa anterior.

A presente pesquisa segue amostragem não probabilística e os dados foram coletados via telefone.