Formula Chopp

Quer aprender a programar sem precisar pagar? Veja plataforma Grasshopper, do Google

  • Bernardo Teixeira
  • Publicado em 9 de junho de 2021 às 16:30
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Um estudo realizado pela McKinsey prevê que, até 2030, o Brasil precisará de 1 milhão de profissionais apenas na área de programação

O Google anunciou o lançamento do app Grasshopper no Brasil. Totalmente em português, a ferramenta gratuita ensina programação para quem nunca teve contato com a área, trazendo jogos e lições interativas de JavaScript, linguagem usada por mais de 70% dos programadores.

O aplicativo tem versões para desktop e aparelhos Android.

Segundo a empresa, o Grasshopper utiliza uma metodologia interativa com quebra-cabeças visuais que instigam os alunos a utilizar os principais conceitos de codificação, como funções, loops e variáveis.

A plataforma ainda ensina técnicas de criação de animações, solução de problemas usando códigos e construção de sites com HTML e CSS.

Aprender

“Programar está se tornando uma habilidade essencial no mercado de trabalho, e queremos que todos possam aprender sobre isso”, diz Susana Ayarza, diretora de marketing do Google.

Segundo ela, “o aplicativo oferece um ambiente de aprendizagem centrado em quem está começando — ou quer começar — a entender o mundo da programação”.

Com a missão de “remover as barreiras que limitam o acesso à educação e preparar adultos e jovens para carreiras que utilizam a programação”, o Grasshopper foi criado por uma equipe de programadores do próprio Google na Área 120, incubadora da companhia voltada para testar produtos experimentais.

Programas

O app faz parte da iniciativa “Cresça com o Google”, que reúne vários programas da companhia para o desenvolvimento de pessoas e negócios.

Desde o lançamento do serviço, em 2018, um milhão de pessoas passaram pelo menos uma hora aprendendo a codificar por meio do aplicativo.

De acordo com o Google, estudos acadêmicos sobre a eficácia do Grasshopper mostraram que, após duas semanas de uso, os alunos estão mais motivados para aprender a programar.

Parceria

Uma pesquisa recente do Google em parceria com a consultoria Bain & Company estima que cerca de 30% das pessoas que trabalham hoje com programação no Brasil vieram de outras atividades.

Entre eles, 80% apontam melhoria na qualidade de vida e perspectiva de crescimento, e metade desses profissionais recomendaria a carreira para seus amigos.

Um estudo da McKinsey prevê que, até 2030, o Brasil precisará de 1 milhão de profissionais nessa área.

Veja mais aqui.


+ Tecnologia