Cantora tenta tranquilizar seus fãs e diz que vive a fase mais feliz da sua vida

  • Salvador Netto
  • Publicado em 3 de novembro de 2020 às 23:11
  • Modificado em 11 de janeiro de 2021 às 07:22
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Em 2007, Britney Spears foi hospitalizada após atacar o carro de um paparazzo

Britney Spears vive um embate na Justiça contra o pai, Jamie Spears, que tem sua tutela desde 2008

A cantora Britney Spears deu as caras nas redes sociais na segunda-feira (2) após passar umas semanas afastada da internet. A cantora norte-americana publicou um vídeo em que manda uma mensagem para os seus fãs, que seguem preocupados com o estado emocional da artista.

“Eu sei que existem muitos comentários e muitas pessoas dizendo muitas coisas diferentes sobre mim, mas eu quero que vocês saibam que eu estou bem e o mais feliz que já estive na vida e estou enviando orações, desejos e muito amor para todos vocês”, afirmou Spears.

A cantora vive um embate na Justiça contra o pai, Jamie Spears, que tem sua tutela desde 2008 e com isso, possuí o total controle financeiro da artista – ele já recebeu aproximadamente US$ 128 mil (aproximadamente R$ 700 mil). 

Nos últimos meses, uma legião de fãs da artista levantaram a hashtag “#FreeBritney” (em português ‘Liberte Britney’) por causa da situação da cantora.

Jamie Spears foi nomeado tutor depois que a estrela pop foi hospitalizada para tratamento psiquiátrico. A gerente de cuidados da cantora, Jodi Montgomery, assumiu a função temporária no final do ano passado, quando Jamie sofreu um problema de saúde.

Em 2007, Britney Spears foi hospitalizada após atacar o carro de um paparazzo. Com a decisão na Justiça, ela passou a ser considerada incapaz de administrar sua carreira e renda.

Segundo o site americano TMZ, Sam Lutfi teria justamente tentando minar os termos dessa tutela, enviando mensagens de texto para a mãe de Britney, Lynne Spears, tentando convencê-la a “interromper e assumir” os cuidados da filha.

De acordo com o E! News, a cantora já teria gastado mais de US$ 1 milhão (o equivalente a R$ 5,4 milhões) em taxas do processo para decidir sobre a sua tutela no ano passado. 

Em 2019, advogados de Britney entraram com uma medida cautelar temporária contra o ex-empresário, Sam Lutfi, que deveria ficar a pelo menos 200 metros de distância dela.

Após o vídeo publicado na segunda, fãs voltaram a duvidar sobre o verdadeiro estado psicológico da cantora. Muito deles alegam que ela tem sido forçada a publicar tal declaração. “Nós não acreditamos nisso. Ela não está bem”, escreveu um internauta na publicação do Instagram.