Vereadora quer que Município ajude a Delegacia da Mulher de Franca

  • Joaquim Felix
  • Publicado em 21 de janeiro de 2021 às 12:30
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Ausência de funcionários tem prejudicado atendimento ao público

Para evitar que as pessoas sejam prejudicadas no atendimento, vereador quer que a Prefeitura ajude a Delegacia das Mulheres

Os problemas que Franca atravessa no dia-a-dia tem sido visto e denunciado pela comunidade.

Exemplo disso foi o pronunciamento da vereadora e servidora municipal, Lourdinha Granzoti.

Ela denunciou o descaso com a falta de funcionários no governo do Estado, principalmente na esfera da segurança pública. E ainda pediu que a Prefeitura cedesse servidores para auxiliar na prestação de serviços naquela especializada.

Lourdinha, que é presidente da Comissão dos Direitos da Mulher na Câmara Municipal, se mostrou preocupada com a situação.

AÇÕES

A vereadora Lurdinha Granzotte elogiou ainda o trabalho dos servidores públicos municipais, principalmente das áreas de Saúde e Educação. “São pessoas responsáveis e, nessa pandemia, estão trabalhando dobrado e até triplicado”, parabenizou.

Ela também congratulou as igrejas católicas do município, que, segundo a Vigilância Sanitária, nunca apresentaram quebra dos protocolos de segurança contra o covid-19.

Outra questão apontada pela parlamentar, na Tribuna da Câmara Municipal, foi o descaso da empresa São José para com a população.

Segundo ela, é inadmissível a Empresa São José diminuir o número de linhas de ônibus na cidade. Ela enviou ofício ao prefeito Alexandre Ferreira (MDB) pedindo que o contrato com a empresa seja cumprido e a situação, resolvida.


+ Política