Formula Chopp

Vai doer no bolso: preço dos remédios sobe mais de 10% a partir desta quinta, 1º

  • Nina Ribeiro
  • Publicado em 1 de abril de 2021 às 08:00
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

O aumento médio neste ano é de 8,43%, o dobro do observado no ano passado, quando os medicamentos subiram 4,22%, em média

Aumento no preço dos medicamentos é o dobro do observado no ano passado

 

A partir desta quinta-feira (1°), os medicamentos terão reajustes de até 10,08%, segundo anúncio da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED).

A autorização para os aumentos de preço foi publicada na última quarta-feira (31) no Diário Oficial da União.

Os maiores aumentos serão para remédios que têm maior competição entre as marcas. Conforme a disputa de mercado diminui, o reajuste cai para 6,79%.

O aumento médio neste ano é de 8,43%, o dobro do observado no ano passado, quando os medicamentos subiram 4,22%, em média. Caberá às empresas definirem os valores que aplicarão.

O reajuste no setor geralmente acontece em abril, mas, no ano passado, foi adiado para junho por conta da pandemia de Covid-19.

Segundo a indústria farmacêutica, essa mudança nos valores era esperada, pois as matérias-primas para produção subiram muito no exterior, devido à alta demanda causada pela pandemia.

Além de algumas fábricas terem sido prejudicadas pelo cenário emergencial, a valorização do dólar influenciou no preço dos insumos, cuja maioria é importada.

*Informações CNN


+ Economia