Sem apoio, Bárbara Paz faz vaquinha para campanha de ‘Babenco’ no Oscar

  • Salvador Netto
  • Publicado em 11 de janeiro de 2021 às 05:00
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Filme foi escolhido pela Academia Brasileira de Cinema para disputar uma das cinco indicações na categoria de Filme Estrangeiro

(Folhapress) – Bárbara Paz, 46, deu início a uma campanha de crowdfunding (financiamento coletivo), a famosa vaquinha, para a campanha de “Babenco – Alguém Tem Que Ouvir o Coração e Dizer: Parou” no Oscar.

O filme, que foi dirigido por ela, é o escolhido pela Academia Brasileira de Cinema para disputar uma das cinco indicações na categoria de Filme em Língua Estrangeira na premiação cinematográfica mais famosa do mundo. Ele também está inscrito para concorrer na categoria de documentário.

Os produtores do filme pediram ajuda do governo federal por meio da Ancine, mas não receberam aprovação até o momento.

Eles calculam que os custos para fazer uma campanha publicitária forte e ganhar uma indicação pode passar de US$ 200 mil (mais de R$ 1 milhão).

A categoria de Filme Internacional é aberta para votação de todos os membros da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood.

Para isso, no entanto, o votante precisa se inscrever em uma comissão especial para ter acesso aos filmes concorrentes na plataforma da organização.

A meta da campanha é de arrecadar R$ 200 mil até dia 31 de janeiro.

Numa segunda etapa, será lançada uma nova campanha para arrecadar outros de R$ 350 mil.

Vale lembar que os coprodutores (Globo Filmes e Canal Brasil) e os apoiadores (Globo, Itaú e SpCine) também estão ajudando na campanha.