IPEM pede cautela ao motorista quando for abastecer seu veículo

  • Joaquim Felix
  • Publicado em 25 de novembro de 2020 às 07:29
  • Modificado em 11 de janeiro de 2021 às 09:28
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Medida é para garantir segurança no combustível que está sendo colocado nos veículos

O Ipem-SP (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo), autarquia do Governo do Estado, vinculada à Secretaria da Justiça, e órgão delegado do Inmetro, que tem como objetivo defender o consumidor, tem recomendações importantes na hora do abastecimento em postos de combustíveis. São elas:

– Sempre desça do carro para acompanhar o abastecimento e esteja atento;

– Veja se o bico engatado no veículo corresponde ao combustível solicitado;

– Verifique se o preço indicado na bomba de combustível é o mesmo anunciado. Atenção! diferentes formas de pagamento – dinheiro, crédito ou débito – podem resultar em valores diferenciados de cobrança;

– Verifique se a bomba de combustível inicia em zero;

– Aguarde o abastecimento começar e esteja atento até o seu término. Somente após a conclusão do abastecimento se dirija ao local de pagamento;

– Em caso de dúvidas, solicite a conferência da bomba por meio do aferidor de 20L que todos os postos são obrigados a ter. Fique atento para possíveis falhas de energia na bomba medidora após pedir esse ensaio e, antes de testar a bomba, verifique se o aferidor encontra-se lacrado e sem qualquer material em seu interior que possa reduzir seu volume;

– Tenha como referência os abastecimentos anteriores realizados em postos de combustíveis da sua confiança, pois, o volume nominal do tanque indicado no manual do veículo costuma apresentar erros de até 20% da capacidade real;

– Abasteça sempre até o desarme automático do bico. Recomende ao frentista para não forçar a entrada de mais combustível;

– Sempre exija a nota fiscal. Nela constará o valor e a quantidade de litros entregue. Observe se é o mesmo que foi inserido no seu veículo.

Caso desconfie, denuncie para a Ouvidoria do Ipem-SP, pelo telefone 0800 013 05 22, de segunda a sexta, das 8h às 17h, ou e-mail mailto:[email protected].