​Francanos chegam a pagar R$ 164,00 de pedágios em viagens ao litoral paulista

  • Cesar Colleti
  • Publicado em 21 de dezembro de 2015 às 08:08
  • Modificado em 8 de outubro de 2020 às 17:33
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Os custos de pedágios de ida e volta variam de R$ 132,10 (Ubatuba) a R$ 164 (Santos/São Vicente)

Na viagem entre Franca e a Capital, pedágio mais caro (depois dos da Portinari) é o de Perus, na Grande SP (Foto Arquivo JF)

Os francanos que desejam viajar ao litoral paulista neste final de ano serão mais uma vez castigados com os preços de pedágios nas rodovias Cândido Portinari e Anhnaguera que levam à Capital e de lá pelas demais vias que levam ás cidades preferidas como Santos, São Vicente, Guarujá, Ubatuba e Caraguatatuba.

Os custos de pedágios de ida e volta variam de R$ 132,10 (Franca e Ubatuba), passando por R$ 150,20 para Caraguá e chegando a até R$ 164,00 para uma viagem à Santos/São Vicente.

São dois pedágios entre Franca e Ribeirão Preto (Cândido Portinari), que custam R$ 32,40 numa viagem de ida e volta mais oito até a Capital paulista (custo de R$ 108,60 ida e volta até SP) e depois entre um e três pedágios, dependendo da cidade escolhida no Litoral.

Na Portinari a despesa totaliza R$ 34,40 (preço em cada praça de R$ 8,10). Pela Anhanguera o motorista gastará R$ 54,30 de ida e outros R$ 54,30 na volta (total de R$ 141, com tarifas variáveis nas oito praças de cobrança).

Anhanguera

Na Anhanguera existem praças de Pedágio em São Simão (R$ 6,40), Santa Rita do Passa Quatro (R$ 6,40), Pirassununga (R$ 6,60), Leme (R$ 6,60), Limeira (R$ 5,30), Nova Odessa (R$ 7.10) e na chegada à Capital, em Perus (R$ 8,00). Perceba que a tarifa mais alta é justamente as duas da Portinari.

Na Anhanguera ainda existem dois outros pedágios fora da rota de Franca (Ituverava, a R$ 11,80 e Sales de Oliveira (R$ 9,60). Um morador de Igarapava, Ituverava, Aramina, Buritizal só fugiria destes preços se usasse rotas de desvios para Franca (por Ribeirão Corrente, Guará, Jeriquara e Pedregulho). Mas se for direto à Capital, só até SP gastaria R$ 183,80.

Para Santos/São Vicente

Na opção de viagem de Franca a Santos/São Vicente, além dos R$ 141 que o motorista pagaria até a Capital, ele seria submetido à cobrança na cidade de Piratininga. A praça de Pedágio da Imigrantes, no km 32 é uma das mais caras do Braisil: R$ 23. Somando uma viagem daqui até lá soma o valor mais caro: R$ 164 de ida e volta.

Para Ubatuba

No trecho Franca-SP-Ubatuba, numa viagem de ida e volta, o motorista gastaria, além dos R$ 141 até a Capital, outros R$ 11,80, em praças de pedágios na Rodovia Presidente Dutra. Elas ficam em Jacareí (R$ 5,60), Guararema (R$ 3,10) e Arujá (R$ 3.10). Custo total: R$ 132.10, ida e volta.

Para Caraguá

A viagem para Caraguatatuba sai por R$ 150,20 em pedágios de ida e volta. São os R$ 141 até a Capital e depois mais três praças de pedágios nas Rodovias Ayrton Senna e Carvalho Pinto. 

Em Itaquaquecetuba o pedágio custa R$ 3,20, mesmo preço da praça de Guararema, e mais R$ 3 na praça de Jacareí. Acrescentando, portanto, mais R$ 9,20 além de Franca-SP, chegando ao total de R$ 150,20. 

Pedágio no km 32 da Rodovia Imigrantes, na cidade de Piratininga: tarifa de R$ 23 só de ida (Foto Arquivo JF)