Governo federal institui auxílio financeiro temporário para custeio de CAPS

  • Salvador Netto
  • Publicado em 9 de dezembro de 2020 às 23:15
  • Modificado em 11 de janeiro de 2021 às 11:03
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Valor, entre R$ 28,3 mil e R$ 400 mil será repassado a estados e municípios para custeio dos centros

Portaria do Ministério da Saúde, publicada nesta quarta-feira (9) no Diário Oficial da União (DOU), instituiu temporariamente um incentivo financeiro de custeio para os Centros de Atendimento Psicossocial (Caps) mantidos por estados e municípios. 

Segundo a portaria, os valores a serem repassados variam de R$ 28,3 mil, para os CAPS I, até R$ 400 mil para os CAPS AD IV. 

O objetivo do repasse é qualificar as ações já ofertadas pelos CAPS em meio a pandemia do novo coronavírus e enquanto durar o estado de emergência em saúde pública. 

“Os valores serão destinados para ampliar o acesso e cuidado aos pacientes, minimizando o impacto em saúde mental que pode ser provocado pela chamada quarta onda da pandemia, onde é esperado um aumento no número de casos de doenças e transtornos mentais”, informou a pasta.