Câmara votará na próxima terça criação de uma frente de apoio à indústria calçadista

  • Marcia Souza
  • Publicado em 5 de fevereiro de 2021 às 21:15
  • Modificado em 8 de fevereiro de 2021 às 10:03
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Tidy será o presidente da frente, tendo Daniel Bassi como vice: objetivo é fortalecer o segmento calçadista

Fábrica calçadosProdução de calçados tem sido afetada com a pandemia e vereadores se propõem a ajudar

 

A Câmara Municipal de Franca realizará a sua 6ª Sessão Ordinária na próxima terça-feira, 09.

Na pauta, está o Projeto de Resolução nº 03/2021, de autoria do vereador Marcelo Tidy (DEM), que cria, no âmbito da Casa Legislativa de Franca, a Frente Parlamentar de Interesse Público para estudos e debates relacionados à defesa da indústria calçadista.

A propositura também foi assinada pelos parlamentares Daniel Bassi (PSDB), Gilson Pelizaro (PT), Kaká (PSDB), Lurdinha Granzotte (PSL) e Zezinho Cabeleireiro (PP).

Por terem sido os primeiros signatários da matéria, Tidy, Pelizaro e Bassi serão o presidente, vice-presidente e relator da frente, respectivamente, caso ela seja aprovada.

A frente terá a função de diagnosticar as principais necessidades do setor e buscar meios para possibilitar o seu avanço.

Entre as ações previstas para o grupo, estão a realização de audiências públicas, sugerir políticas públicas aos órgãos competentes e efetuar diligências em outras localidades. Tidy comentou a importância da criação deste órgão:

“O setor calçadista é um grande gerador de empregos mas vem enfrentando dificuldades ao longo do tempo, como concorrência desleal do mercado externo e desemprego. Então, nosso objetivo é unir forças e buscar apoio das lideranças estaduais e federais”, disse.