Paulistano supera Flamengo no Rio de Janeiro e lidera o nacional de basquete - NBB

Agora com um total de 15 triunfos em 18 jogos, o time alvirrubro impôs a terceira derrota ao Flamengo

Postado em: em Basquete

O Paulistano/Corpore é o novo líder do NBB CAIXA 2017/2018. Neste sábado (03/02), mesmo jogando na Arena Carioca 1, no Rio de Janeiro, a equipe paulista venceu o Flamengo, por 72 a 71, em partida decidida apenas nos segundos finais, e assumiu a primeira colocação pela primeira vez na temporada.

Tá voando: Agora com um total de 15 triunfos em 18 jogos, o time alvirrubro impôs a terceira derrota ao então líder Flamengo e chegou ao topo da tabela de classificação. Esta foi a 13ª vitória consecutiva do Paulistano no campeonato e a equipe segue com sua maior sequência invicta na história do NBB CAIXA.

Líder mesmo: Com duas vitórias sobre o Flamengo – também venceu o jogo do primeiro turno –, o Paulistano ainda garantiu vantagem no confronto direto no caso de empate entre as duas equipes. Neste momento, os paulistas têm um jogo a mais dos que os cariocas, mas se as campanhas estivessem iguais o time de Gustavo De Conti ainda estariam à frente na tabela de classificação.

Duplo feito: O Paulistano foi o primeiro a vencer o Flamengo como mandante na temporada – antes eram nove vitórias em nove jogos. Além disso, o time paulista ainda manteve sua sequência de vitórias ativa e terminou com os nove jogos de invencibilidade do clube da Gávea.

Deram o tom: Com apenas um arremesso de quadra errado (6/7), o ala/pivô Nesbitt foi o cestinha do Paulistano, com 13 pontos, e ainda apanhou oito rebotes (quatro ofensivos). Outro destaque do time vencedor foi o armador Elinho, que registrou seis pontos, oito rebotes e oito assistências.

Força coletiva: Como de costume, o time da capital paulista teve sua pontuação bastante dividida. Com 12 pontos, Fuller foi o segundo maior pontuador, seguido por Yago, que marcou nove, e Deryk e Du Sommer, responsáveis por oito cada.

Atuação memorável: Marquinhos teve uma performance individual histórica e marcou mais da metade dos pontos do Flamengo na partida. Com 10/14 nos arremessos de quadra, o camisa 11 marcou 37 pontos e estabeleceu o novo recorde da temporada.

 Na entrevista entre o terceiro e o quarto período, o técnico Gustavo De Conti, do Paulistano, “previu” a reação dos rivais. “Essa vantagem de 15 pontos não é nada para jogar contra o Flamengo”. Para felicidade do treinador, sua equipe teve ótimo trabalho defensivo nas duas últimas posses de bola do jogo e garantiu a importantíssima vitória.

Fala aí: “A gente sabia que uma vitória hoje ia ser muito importante para nos dar essa vantagem contra o Flamengo no confronto direto. Sabemos da qualidade da equipe deles, ainda mais jogando em casa, e viemos muito concentrados. Sabíamos que aqueles 15 pontos não eram nada, mas resistimos até o fim e vencemos”, disse o armador Elinho.

E agora? A primeira defesa de liderança do Paulistano será na próxima quarta-feira (07/02), em casa, diante da Liga Sorocabana, às 19h30. Um dia antes, o Flamengo irá até Santa Catarina para enfrentar o AABJ/Joinville, às 20 horas.


Artigos Relacionados