Formula Chopp

Mais um profissional vai reforçar o trabalho de fiscalização do CREA de Franca

  • Cláudia Canelli
  • Publicado em 9 de abril de 2021 às 12:00
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Com o reforço, a equipe de fiscalização do Conselho passa a contar com 133 fiscais distribuídos pelos municípios do Estado.

Franca vai receber mais um fiscal do CREA para ampliar a fiscalização do exercício profissional

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo (Crea-SP) receberá 16 novos agentes fiscais para atuação em 14 Unidades de Gestão e Inspetoria (UGIs).

Um dos novos fiscais vai trabalhar no CREA de Franca.

Com o reforço, a equipe de fiscalização do Conselho passa a contar com 133 fiscais distribuídos pelos municípios do Estado. O início das atividades dos recém-contratados está previsto para a primeira semana de maio.

Entre 2015 e 2019, o Conselho teve um incremento de mais de 500% na quantidade de fiscalizações no Estado.

Em 2020, mesmo com a pandemia, o Crea-SP atingiu 110 mil fiscalizações, ante as 29 mil realizadas em 2015.

A entidade trabalho em um processo de Transformação Digital com o objetivo de garantir os melhores serviços para os profissionais e para a sociedade, e isso inclui a ampliação das atividades de fiscalização do Conselho.

Os agentes fiscais são responsáveis pela fiscalização do exercício profissional. Realizam pesquisas internas e externas, bem como diligências de rotina.

As diligências ocorrem em vistorias nas obras de empresas privadas ou de órgãos públicos para verificação da responsabilidade técnica.

Novos Agentes Ficais

Os novos fiscais irão atuar nas unidades de: Araçatuba, Araraquara, Barueri, Franca, Jundiaí, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Sorocaba, Taubaté, São Carlos, São José do Rio Preto, São José dos Campos e na Capital.

O Crea-SP fará uma ação de integração para o grupo, formado por convocados com base no cadastro do concurso público de 2017, com apresentações corporativas e capacitação inicial.

O formato (on-line, presencial ou híbrido) vai depender das restrições referentes à pandemia de Covid-19.


+ Trabalho