Rifaina recebe materiais de resgate e poderá ter unidade dos Bombeiros

  • Joaquim Felix
  • Publicado em 11 de dezembro de 2020 às 14:13
  • Modificado em 11 de janeiro de 2021 às 11:11
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Posto do Corpo de Bombeiros dará maior segurança a quem estiver na praia de Rifaina

Material que a Prefeitura de Rifaina recebeu e que vai ampliar a proteção aos banhistas

O comandante do 9º GB (Grupamento de Bombeiros), Tenente-Coronel João Henrique Coste e o subcomandante Major PM Rodrigo Moreira Leal, iniciaram as tratativas com o prefeito Hugo Lourenço, do início da instalação de uma base de bombeiro comunitária no Município de Rifaina.

Através de convênio com a Secretaria Estadual de Segurança Pública do Estado de São Paulo, com a criação do Programa de Cooperação de Bombeiros Públicos Voluntários na Primeira Resposta às Emergências e estabelece normas gerais de cooperação de bombeiros públicos voluntários, coordenados pelo CBPMESP, na primeira resposta às emergências, nos termos da Lei Complementar Estadual nº 1.257 de 06 de janeiro de 2015 e Decreto Estadual nº 63.058, de 12 de dezembro de 2017.

“Com esse convênio teremos um tempo de reposta mais curto e atenderemos melhor a população”, completou o prefeito Hugo. 

O secretário municipal de Governo, Alcides Diniz dos Santos, o Cidinho, participará das tratativas da formalização do convênio e explicou como funcionará a nova base. 

“Já temos algum tipo de instalação favorável. A área já foi verificada pelo comando do Corpo de Bombeiros do Estado e poderá funcionar junto às bases da Guarda Civil Municipal e da Defesa Civil da cidade”.

O Município vai iniciar os trâmites dos estudos e formalização das novas instalações com o comando do 2º Sub Grupamento de Bombeiros de Franca, através da Secretaria Municipal de Governo (Gabinete) e Diretoria Municipal de Segurança.

A composição da Base de Bombeiro Comunitária (BCom) e implantação do PBPV, sob a coordenação exclusiva dos militares do CBPMESP, ocorre somente nos Municípios conveniados que apresentem população residente inferior a 50.000 habitantes.

Rifaina terá o bombeiro comunitário, o bombeiro público voluntário, a brigada comunitária para ampliar a proteção aos banhistas. 

(fonte: assessoria da Prefeitura)