HISTÓRIAS DA MÚSICA BRASILEIRA

  • mmargoliner
  • Publicado em 29 de maio de 2016 às 16:42
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

A MÚSICA ERUDITA NO BRASIL : “O GUARANI”


Assim como as artes em geral, a partir de 1808, com a chegada da Corte lusitana, a música produzida por aqui começou a ganhar impulso. Ressalte-se que Dom João VI era amante de composições eruditas e Dom Pedro I tocava fagote, trombone, clarinete, violoncelo, rabeca e flauta e até cantava modinhas…

Falando de compositores, os principais da época foram o Padre José Maurício Nunes Garcia, no primeiro Reinado e Carlos Gomes, no segundo.

Falando deste último, compositor nascido em Campinas, foi ele o autor de “O Guarani”, talvez a ópera brasileira mais conhecida em todo o mundo.

Baseada no livro homônimo, de José de Alencar , escrito em 1857, trata-se de uma obra que, metaforicamente, tem como tema o advento da brasilidade, ao enfocar a submissão do índio ao colonizador europeu.

Os principais personagens são Peri, o “bom selvagem”, e Ceci, de ascendência européia. É da união deles que nasce a esperança de uma nova sociedade que substituiria a civilização portuguesa.

A ópera, fiel ao espírito do livro, foi um grande sucesso na Europa, onde estreou em 1870 no Teatro Scala de Milão.

Quanto a Carlos Gomes, ligado ao Império, despertou sentimentos nostálgicos após a proclamação da República.

Divide opiniões : para os detratores, é superestimado. Para os fãs, é injustiçado.

De qualquer forma, no conjunto, foi o que poderia ser : uma personalidade de ponta, num período secundário do teatro musical italiano, entre o romantismo heróico de Verdi e o realismo burguês de Puccini.

(Fonte : Enciclopédia do Estudante – Estadão – Edit. Moderna – 2008)

.

NOTÁVEIS DA MÚSICA REGIONAL


Conheci esse cara se apresentando numa confraternização do Banco do Brasil, uns anos atrás. Muito versátil e comunicativo, conquistou a galera logo de início , causando ótima impressão.

Depois, fiquei sabendo que é dono de uma das agendas mais concorridas entre os músicos do eixo Batatais-Ribeirão, atuando nos mais diversos e exigentes eventos durante o ano todo. Seu nome é RODRIGO VENTURINI. Seu estilo é um dos mais ecléticos que já vi (e ouvi) sem, no entanto, perder a classe. Muito bom cantor,  violonista e guitarrista, merece ser lembrado por dias e dias após ser ouvido em qualquer de suas apresentações.

Acabando de lançar seu CD autoral “Um Tom Para a Festa”, Rodrigo teve também sua música “Três de Vez” na final do II Festival Nacional de MPB de Batatais, que aconteceu neste mês de maio.

Fica aí registrado : notável da música regional, o batataense RODRIGO VENTURINI.

BENY CHAGAS MUSIC SHOW

Grandes originais e primorosas releituras. Tocamos Duke Ellington, Flávio Mendes, Karen Souza, Manhattan Transfer…Coisas que, NORMALMENTE, você não ouve por aí.

Sábado às 9h e domingo às 10h da manhã na Mais Brasil FM-Franca–SP-101,3 Mhz.

Sábado e domingo às 11h da manhã em www.radionovaip.com.br-Ribeirão Preto-SP.

Sábado e domingo às 12 e 20h em www.ponto1000.com- Ribeirão Preto-SP.

Aguarde os horários da Rádio Top Flash.

BENY CHAGAS Mr. FLASHBACK

O maior mix de super hits de 1950 a 1989 em todo o mundo !

Marcos Sabino, People, Novos Baianos, Bread, Bob Dylan e muito mais !

Mais Brasil FM-Franca–SP-101,3 Mhz : sábado às 10 e domingo às 11h da manhã

Novaip.com.br – Rib. Preto-SP : sábado e domingo às 12 h

Ponto1000.com –Rib.Preto-SP : diversos horários.

Aguarde os horários da Rádio Top Flash e novos endereços.

Não abrimos mão de você!

*Esta coluna é semanal e atualizada aos domingos.