Estimativa é de 1,6% para este ano

  • Cesar Colleti
  • Publicado em 30 de outubro de 2015 às 11:10
  • Modificado em 8 de outubro de 2020 às 17:30
compartilhar no whatsapp compartilhar no telegram compartilhar no facebook compartilhar no linkedin

Um dos maiores polos calçadistas do país, Franca perdeu ao longo das décadas a maior parte de suas vendas para o exterior. No auge das exportações, o município chegou a destinar 50% de sua produção para fora do país. A estimativa para este ano é de apenas 1,65%, a menor proporção registrada desde os anos 1980. Para o Instituto Cidade do Calçado isso ocorre por causa da instabilidade cambial que atrapalha os contratos com importadores.