Última super lua deste ano. Fotos deslumbrantes feitas em todo mundo. Veja aqui

O fenômeno astronômico foi captado por fotógrafos em todos os cantos do mundo, com imagens espetaculares

Postado em: em Ciência

Durante a noite de quinta-feira (7),  foi possível observar a última Super Lua de 2020, um fenômeno resultante da “ocorrência simultânea da fase de lua cheia e da presença da lua no perigeu”, explica o Observatório Astronômico de Lisboa.

A Superlua ocorre devido a dois fatos astronômicos. A trajetória da Lua em torno da Terra não forma um círculo perfeito. 

Sua órbita é um pouco achatada. Por conta disso, a Lua atinge, de tempos em tempos, o ponto mais próximo à Terra, evento astronômico conhecido como perigeu. 

Para a Superlua ser visível, é preciso, também, que seja época de Lua cheia (que acontece a cada 28 dias).

Uma superlua acontece quando uma Lua cheia acontece ao mesmo tempo da Lua estar a uma distância da Terra inferior a 110% do perigeu da sua órbita, ou seja, mais perto de nós. 

Não é um fenômeno super raro e acontece geralmente várias vezes ao longo do ano. Em 2020 especificamente não veremos mais essa coincidência acontecer no restante do ano.

Neste ano foi possível ter a combinação dos dois fatores juntos por três vezes, nos dias 9 de fevereiro, 9 de março e 8 de abril. A próxima superlua está prevista para 27 de abril de 2021.

Veja imagens na galeria abaixo:


Artigos Relacionados