Truques e dicas para escolher o terno perfeito para cada ocasião

Fique a par dos truques e dicas que separam a escolha perfeita do desastre total

Postado em: em Moda

Todos os homens devem ter pelo menos um terno. Este é o ponto de partida. Mas existe a ideia errada de que basta ter um terno para estar imediatamente bem vestido. 

Associa-se o terno ao homem elegante, moderno e que sabe vestir. O que é um erro! Porque usar terno não basta. É obrigatório escolher o terno que melhor se adequa a cada homem.

E a cada necessidade. Conheça os truques e dicas que separam a escolha perfeita do desastre total. Tudo começa com as medidas. E não há problema caso seja algo que não acontece há muito. 

Tal como não é necessário ir a um alfaiate (aliás, uma profissão cada vez mais em extinção) para tomar as medidas do corpo. Basta que siga estas dicas para encontrar o terno perfeito para si.

Ombros
“Os ombros do terno devem gentilmente abraçar os do homem. Não deverá existir excesso de tecido, tal como não deverá ficar tenso. Estique os braços para a frente e movimente os braços à volta do corpo. Se se sentir apertado e desconfortável opte por outro tamanho ou um modelo diferente”. 

Esta não é uma dica qualquer. Está escrita no site da loja House of Fraser, estabelecimento fundado em Glasgow, na Escócia, há 150 anos, e hoje com várias lojas na Grã-Bretanha.

Peito
“O paletó do terno deve apertar com facilidade mas não deverá ficar muito largo. Quando estiver abotoado, coloque a mão entre o corpo e o casaco pois deverá ficar confortável. Se ficar muito largo é melhor escolher um tamanho menor”.

Comprimento
“Estique os braços para baixo e toque com as mãos na bainha do paletó. Se for uma tarefa fácil, é porque está muito comprido. Se estiver mais curto, a distância é uma questão de gosto.”

Comprimento da manga
“Coloque os braços para o lado e a bainha da manga deverá acabar onde a base do polegar se junta ao pulso. Deverá ficar 1-2 centímetros de camisa à vista.”

Calças
“A cintura das calças deverá ajustar-se ao gosto e estilo de cada homem. O corte das calças não deverá ficar muito justo nem muito largo. Um corte clássico deverá ficar no topo do sapato.”

Saber as medidas certas não basta

Saber as melhores medidas para um terno é insuficiente. A isto junta-se o gosto pessoal dentro dos diferentes tipos de ternos disponíveis. Que vão dos modelos clássicos ao feitos por medida. 

Mas depois de tudo isto é essencial respeitar estas três regras para que o terno tenha uma vida mais longa e sempre no seu melhor. 

A saber:

1 – Pendure o terno num cabide de madeira para que mantenha a forma. Tente fazer isto até no trabalho. Colocar o casaco na cadeira não é uma boa opção.

2 – Se possível não limpe o terno com uma frequência muito grande. Os produtos químicos são inimigos das fibras naturais. A melhor opção será escovar o terno após cada utilização.

3 – Se usa fato diariamente é bom ter vários, de modo a que possa alternar entre eles. Isto faz com que o tecido possa respirar.


Artigos Relacionados