Som do alarme pode afetar desempenho nas tarefas diárias, você sabia?

Usar um alarme com som alto e perturbador para acordar pode não ser eficaz para afastar a sonolência

Postado em: em Comportamento

Acordar para um treino matinal – ou, sejamos sinceros, para ir ao trabalho – pode ser complicado. 

A tática para não apertar o botão de soneca, muitas vezes é usar um alarme com um som alto e estridente para você despertar, mas ainda o deixa sonolento por mais cedo que você se deite. 

Mas se você teve uma boa noite de sono, pode estar usando os sons errados para acordar.

Uma pesquisa recente do Instituto Real de Tecnologia de Melbourne (RMIT), em Melbourne, Austrália, publicada no PLOS ONE, descobriu que usar um alarme com som alto e perturbador para acordar pode ser menos eficaz em ajudá-lo a sacudir sua sonolência do que em um tom mais calmo e baixo.

Cinquenta participantes responderam a uma pesquisa que fez perguntas sobre que tipo de alarme eles usavam e quais eram seus sentimentos em relação ao som do despertar, e pediu aos participantes que classificassem coisas como seus sentimentos ao despertar e qual a probabilidade de eles acionarem a soneca. 

As respostas revelaram que as pessoas que usavam alarmes harmoniosos realmente se sentiam alertas mais rapidamente e relatavam sentir-se menos sonolentas do que aquelas que usavam um típico ruído de alarme estridente.

“Nossos resultados surpreendentes sugerem que a estética melódica dos sons de alarme pode ser benéfica na redução da sonolência matinal”, disse Stuart McFarlane, principal autor do estudo, Ph.D. (c) na Escola de Mídia e Comunicação da RMIT à Bicycling USA.

Provavelmente, porque os altos e baixos das notas nas estruturas melódicas podem promover o alerta de maneira mais eficaz do que as variedades monótonas de uma nota, como seu alarme estridente típico, disse McFarlane.

Quanto ao tipo de tons relaxantes – seja música de piano ou sons suaves de músicas como “Good Vibrations” dos Beach Boys ou “Close to Me” do The Cure – isso pode não ser tão importante.

Os autores do estudo continuam pesquisando se certos sons são mais benéficos que outros. 

No entanto, com base na pesquisa atual e no que se sabe sobre a melodia, os tons relaxantes podem ser produzidos de várias formas, incluindo voz, instrumento e composição, explicou McFarlane.

Então, como o som de alarme certo pode afetar seu treino matinal? 

A duração da sonolência ao acordar pode variar de pessoa para pessoa – com duração de 30 minutos a quatro horas – pode afetar seu desempenho ao acordar, disse McFarlane. 

Abalar essa sensação sonolenta com o som de alarme certo pode ajudá-lo a se sentir mais pronto para iniciar seu treino. 

Além disso, pode ajudar a garantir que, quando você estiver executando tarefas como um treino em circuito ou um pedal matinal, que requerem um pico de cognição, haja menos probabilidade de acidentes que possam causar ferimentos, disse McFarlane.

Fonte: https://www.msn.com/pt-br/saude/medicina/como-o-som-do-alarme-influencia-a-sua-manh%c3%a3-%e2%80%93-e-como-despertar-melhor/ar-BB105I2R?li=AAavKSZ


Artigos Relacionados