Paulistano cala o Pedrocão, bate o Sesi Franca Basquete e conquista título inédito

Time francano se perdeu no último quarto e deixou escapar o título dentro de seu ginásio

Postado em: em Basquete

O Paulistano demonstrou sua força, neste sábado, derrotou o Sesi Franca Basquete, calou o Pedrocão lotado, com quase seis mil torcedores, por 91 a 76, e conquistou, em pleno "templo do basquete", seu primeiro título paulista.

Por mais que o Paulistano tenha seu mérito, por ser uma bela equipe, o Sesi Franca Basquete não jogou bem após a vitória conquistada na terceira partida. No quarto jogo, em São Paulo, foi massacrado pelo Paulistano.

Na partida de sábado, a quinta do playoff decisivo, o equilíbrio foi mantido até o terceiro período, mas, nos dez minutos finais, o Sesi Franca Basquete demostrou apatia, com seguidos erros de ataque e defesa, e o Paulistano aproveitou para se distanciar no placar. Muitos torcedores deixaram o ginásio mais cedo. 

No início do jogo, o fantasma do "apagão" do terceiro jogo​ assombrou o time do Sesi Franca Basquete. O Paulistano, mais agressivo, foi abrindo o placar até fazer uma vantagem de mais de dez pontos. 

Os donos da casa erravam muito no ataque e o rival foi acertando e se distanciando. Mas o técnico francano, Helinho Garcia, parou o jogo e conseguiu ajustar a equipe que foi reagindo e tirando a diferença, ponto a ponto, até que chegou ao empate no final do primeiro tempo: 39 a 39.

O equilíbrio se manteve no terceiro quarto e o Sesi Franca Basquete se manteve à frente do marcador, sempre com pequena diferença, que não passou de cinco pontos. No final do período, porém, a vantagem passou a ser do adversário, com o período sendo fechado em 60 a 58 para o rival.

Helinho Garcia parou novamente o jogo e procurou ajustar o Franca, mas para o quarto período o time voltou ainda mais desconcentrado para os dez minutos decisivos. A entrega do Paulistano foi maior, assim como o índice de acertos nos arremessos. Os números não negam isso: no quarto período, a superioridade é explicitada pelo placar de 31 a 18.

Quem também fez bonito foi a torcida francana, não sendo registrado qualquer tipo de incidente no Pedrocão ao longo da partida. No final, o público aplaudiu a conquista do Paulistano e o segundo lugar conquistado pelo Sesi Franca Basquete.

Com a conquista do Paulistano, a primeira após três vice-campeonatos paulistas e um vice do Novo Basquete Brasil, o Sesi Franca Basquete segue como o segundo time que mais conquistou títulos paulistas, com 11 conquistas, ficando atrás somente do Corinthians, que tem 14. Franca, agora, tem 13 vice-campeonatos paulistas.

"Final é isso, é ganhar ou perder. Estão todos de parabéns, a equipe, a diretoria. Parabéns ao Paulistano, que foi merecidamente campeão. Nós vamos continuar trabalhando para chegar em outras finais e conquistar títulos", disse o sempre ponderado técnico Helinho Garcia.

O foco do time francano agora se volta para a disputa do Novo Basquete Brasil onde, além do título inédito, buscará uma vaga para as competições internacionais, como a Liga Sul-Americana de Basquete.



Artigos Relacionados