Expansão urbana terá dificuldades para ser aprovado por vereadores

Vereadores se reuniram com construtores e base sugeriu retirada pelo prefeito

Postado em: em Política

A Câmara dos Vereadores deverá votar projeto de lei relativo à expansão urbana, de iniciativa do prefeito Gilson de Souza, nesta terça-feira. 

​O prefeito deverá ter dificuldade para apresentação do projeto. Uma reunião realizada na Câmara dos Vereadores, na semana passada, entre vereadores e construtores da cidade, acendeu a luz de alerta nós legisladores.

A conclusão de pelo menos três vereadores consultados pela reportagem é que o projeto, como está, vai abranger somente uma área.

Os empresários do setor imobiliário contestam, desde o início, o formato do projeto, pois alegam que outras áreas deveriam também ser contempladas e não somente uma.

Em dado momento, o líder de Gilson de Souza, Pastor Otávio (PTB), chegou a sugerir que fosse dada a ideia ao prefeito da retirada do projeto, o que causou nítido descontentamento no líder informal e conselheiro político de Gilson, vereador Corrêa Neves Júnior (PSD).

O adiamento do projeto, ocorrido na semana anterior a pedido de Marco Garcia (PPS), já havia contrariado Gilson de Souza. A rejeição, certamente, deixará ainda mais descontente o prefeito.


Artigos Relacionados