​DELTA LIFT

Postado em: - Atualizado em:

 Dr Carlos Roberto Antonio, de Sao Jose do Rio Preto.

É um novo conceito de preenchimento facial, desenvolvido pelo dermatologista Dr Carlos Roberto Antonio, de Sao Jose do Rio Preto. 

Sua técnica é bastante individualizada, uma vez que não existem pontos fixos ou previamente estabelecidos para se preencher, como na técnica de MDCodes. 

Segundo o médico, essa não é apenas uma nova forma de preencher.

Delta lift é Ciência pois utiliza conhecimentos e conceitos muito avançados como a biomodulação de colágeno.

Na maioria dos casos o produto utilizado é o Acido Hialurônico, mas podem ser usados também a caprolactona ( Ellansé) e a hidroxiapatita de cálcio (Radiesse, Diamond).

Os padrões de beleza variam, de acordo com a época, costumes, região do planeta. 

Não existe um padrão único e universal que possa classificar o belo e o feio. 

Essa é uma questão também muito particular e intuitiva. Todas as pessoas são belas sob o olhar de alguém ou de si mesmas. 

Poucos desejam mudar de fisionomia ao realizar um procedimento e quando isso acontece existe um grande risco da pessoa não se reconhecer diante do espelho, o que pode gerar graves consequências emocionais.  

O envelhecimento provoca muitas mudanças estruturais na face - por remodelação óssea, perda ou ganho de gordura em certas regiões, tipo de mímica facial, diminuição de colágeno, etc. 

Cada pessoa envelhece de uma maneira, com maior ou menor intensidade. Assim, um tratamento de rejuvenescimento necessita ser muito individualizado pois cada face precisa ser abordada de maneira diferente. 

O DeltaLift é uma técnica que leva em consideração todas essas variáveis e prioriza o rejuvenescimento mais natural, valorizando o que há de belo em cada um. 

Resgatar o que foi perdido no envelhecimento, mantendo as características individuais. 

No procedimento praticamente não se utiliza agulhas, o que o torna mais seguro e confortável.  

O produto é introduzido com cânula e distribuído, delicadamente, em linhas finas dentro dos deltas, pequena quantidade por área. 

O que poderia ser pouco produto em outras técnicas, no Delta Lift é o suficiente pois a maneira de aplicar, estimula o colágeno e optimiza os resultados.

Os Deltas são planejados de acordo com as necessidades de cada rosto e às vezes podem até ser desenhados de forma diferente em cada hemi-face.  

Delta Lift é, atualmente, a técnica que mais cresce no meio dermatológico; por sua maior preocupação com a segurança, melhor custo-benefício e resultados mais naturais. 

Provavelmente será a mais usada num futuro próximo.

​Cicatriz

Postado em: - Atualizado em:

​A pele é nosso invólucro de proteção contra tudo que nos cerca. Quando algo acontece, que rompe essa “barreira”,  nossas defesas entram logo em ação para reparar o dano.

Toda injuria leva a formação de uma marca ou cicatriz, que dependendo das características pessoais, pode ser quase imperceptível ou visível o bastante para causar aborrecimentos.

Uma cicatriz pode ficar mais aparente e inestética de varias maneiras - por ficar mais escura ou mais clara que a pele da pessoa, por ficar deprimida ou mais elevada, ou por ficar alargada parecendo uma estria. Algumas cicatrizes são piores ainda pois têm mais de uma dessas características. 

Um fator desagradável, além da estético,  é que algumas cicatrizes podem ser muito doloridas ou dar sensação constante de queimação.

A cicatrização depende de muitos  fatores. Regiões onde a pele é mais tensa e esticada ou de grande movimentação (como as costas) tem mais risco de "abrir" e alargar uma cicatriz do que áreas onde a tensão é menor (couro cabeludo). Áreas mais oleosas cicatrizam melhor que áreas mais secas - rosto cicatriza melhor que o pescoço.Peles mais claras tendem a disfarçar melhor uma cicatriz que peles escuras.

Quelóides

São cicatrizes anômalas, elevadas e endurecidas, às vezes dolorosas, que surgem após qualquer injúria na pele, mesmo por um estímulo pequeno, como uma espinha, uma vacina ou até por uma picada de injeção.  

Alguns tipos raciais têm maior tendência a formar quelóide, como os orientais, os negros ou descendentes. Algumas regiões do corpo são mais suscetíveis também, como colo, costas, ombros (maior tensão).

Pessoas com histórico pessoal ou familiar devem evitar furar a orelha, piercing e tatuagem pois tem grande possibilidade de formar queloide. 

Tratamentos disponíveis: infiltração de corticoide, bleomicina ou 5fluoracil, excisão cirúrgica com betaterapia, agulhamento, laser, etc. 

Pelos & cicatriz 

A maioria das cicatrizes em local de pelos provoca uma alopecia ao longo da região afetada (os pelos não crescem mais), pois os folículos são substituídos por fibrose. Isso é muito visível no couro cabeludo.

 



O que pode ser feito para melhorar uma cicatriz?

Tratar cuidadosamente uma ferida é  o melhor caminho para evitar uma cicatriz feia. Limpeza com água e sabão após ferir a pele é imprescindível. Se houver deslocamento da pele, fazer o possível para recolocá-la na posição certa sem deixar dobras. 

Nas queimaduras, pode furar as bolhas com agulha estéril, mas não retirar o teto da bolha pois esta “pele morta” serve como uma barreira de proteção contra infecção e ressecamento. 

Qualquer que seja o motivo do ferimento cuidar para não infeccionar e não pigmentar (pomada antibiótico e evitar exposição ao sol). 

Não arrancar, mexer ou cutucar as casquinhas.

Usar uma fita de micropore por cima da ferida mantendo as bordas bem coaptadas é uma boa dica para impedir o alargamento da cicatriz. O micropore pode ser trocado a cada 4 ou 5 dias e deve ser mantido por 20 dias ou mais, dependendo da região. Por cima do micropore, que é poroso, pode ser usado algum medicamento - gel de silicone, antibióticos, cicatrizantes.

Placas de Gel hidrocoloide melhoraram úlceras e queimaduras. Silicone em gel ou em placas melhoram cicatriz já formada. 

Toxina botulínica - Novos estudos revelam que a toxina  botulínica aplicada ao longo de uma cicatriz recente melhora o aspecto e afina a cicatriz - porque diminui a tensão da pele. 

Laser - vários laser podem ser utilizados com sucesso, principalmente os lasers fracionados, que perfuram a pele e estimulam o colágeno e elastina.

Microagulhamento da lesão  - pode ser feito com ou sem medicamentos e tem ótimo resultado.

Preenchimento - algumas cicatrizes atróficas e deprimidas podem ser preenchidas com ácido hialurônico, gordura ou outro material biocompatível. 

Cirurgia - dependendo do tipo, tamanho, região afetada  uma cicatriz pode ser retirada ou minimizada cirurgicamente. 

Tatuagem - algumas pessoas optam por fazer uma tatuagem para  esconder uma cicatriz. Foi justamente assim que se descobriu que o microagulhamento melhorava cicatrizes.

Conclusão... 

Sao muitas as opções para tratar uma cicatriz. Se não é possível prometer 100% de resultado, podemos afirmar que é possível, SIM, melhorar muito. 

Uma cicatriz NÃO é para sempre!

____________________________________________________________________

Dra. Rita Moscardini
Pós Graduação em Medicina Estetica - SBME
Pós Graduação Medicina do Envelhecimento - BWS
Membro da Sociedade Bras de Dermatologia e Soc Bras de
Cirurgia Dermatológica. | CRM 55088 -  RQE 13031

E​nvelhecimento - o futuro de todos nós!

Postado em:

O envelhecimento é um fato inerente à vida e que ocorre com todos, sem exceção. 

O que muda é a velocidade e intensidade com que as alterações acontecem, tanto na pele quanto nos órgãos. 

Em relação à pele, o envelhecimento é notado pela perda gradual da sustentação e vigor, acúmulo de gordura em certas regiões, mudanças na coloração, aparecimento dos vincos, sulcos, rugas e perda do contorno facial . 

E porque algumas pessoas envelhecem mais rápido que outras? Genética? Sorte? Estilo de vida? De tudo um pouco... 

A pele sofre influência de vários  fatores e isso interfere positiva ou negativamente na forma de envelhecer - exposição solar ao longo da vida; qualidade da alimentação, tipo de trabalho que a pessoa realiza, hábitos, meio ambiente que vive, exposição a agentes infecciosos, tóxicos, poluição, vento, doenças, influências genéticas, etc.

O Sol é um fator muito importante no envelhecimento e a exposição excessiva e sem proteção influencia negativamente na pele. 

A prova disso é a comparação de uma região constantemente exposta, como rosto, colo e braços, com uma área não exposta, como nádegas, mamas e barriga -  a diferença é enorme. 

A  pele sem sol é sempre muito mais preservada, saudável, bonita e permanece mais jovem por mais tempo.

Isso ocorre porque os raios ultravioleta provocam alterações deletérias no DNA das células que, ao se multiplicarem, não o fazem mais corretamente. 

Assim, surgem as mudanças de coloração, espessura, hidratação, diminuição da defesa local contra vírus, fungos, bactérias, desenvolvimento de canceres, etc.

O sol também atua negativamente sobre a derme, a camada mais interna da pele, provocando alterações nas fibras elásticas e colágenas, levando a flacidez e queda progressiva dos tecidos da face e do corpo. 

Após os 20 anos ocorre uma perda progressiva do colágeno e elastina, as proteínas de sustentação.

Assim, quem quer envelhecer BEM deve ter cuidado redobrado com o sol durante a vida. 

Evitar exposição em horários sabidamente mais prejudiciais como das 10 da manhã às 16 hs e usar filtros solares diariamente.

Harmonização facial

Postado em:

​Esse é um termo que tem sido muito falado no momento, nas mídias sociais, na TV, nas propagandas de procedimentos estéticos e no pedido da maioria das pessoas que buscam os profissionais que realizam tratamentos de rejuvenescimento e embelezamento.

Considero muito feliz essa palavra. Sinônimo de equilíbrio, ordem, consonância, entendemos bem a harmonia quando pensamos na música, no vinho, na arte, na decoracão e até mesmo nas relações humanas de amor e amizade. 

Harmonia é estar em paz com os sentidos - o som que não fere o ouvido, a cor que acalma, a paz que reina, a beleza que enche os olhos de quem olha e gosta.

Na estética também é assim que deve ser. Nada de exageros ou de mudanças radicais que deixam as pessoas quase irreconhecíveis ou o que é pior ainda - todas com a mesma cara. 

Harmonizar é realçar a beleza de cada pessoa sem faze-la perder suas características pessoais e individuais. É cuidar da pele, das manchas, das marcas, das rugas, enfim, recuperar um pouco de tudo que o tempo modificou. 

Harmonizar também significa realizar pequenos "consertos", no sentido de promover um maior equilíbrio das estruturas da face, levantando um nariz, projetando um mento, aumentando um lábio, consertando uma arcada dentaria ou refazendo uma sobrancelha cujos pelos já não existem mais.

Para cada desejo de mudança, ou melhora,  existe um procedimento mais adequado. Lasers, peeling, botox, preenchimento, radiofrequência, microagulhamento, ultra-som focado, cirurgias plásticas, próteses, etc. 

Lembrando que ... nem tudo serve para todos e nem todos precisam de tudo; e que muitas vezes um pequeno procedimento pode fazer a diferença e trazer muita felicidade!

​MD Codes - o que é?

Postado em: - Atualizado em:

Mauricio de Maio, criador do MD Codes

É uma técnica de preenchimento facial (com ácido hialurônico) concebida por um cirurgião plástico brasileiro, o Dr Mauricio de Maio, na qual ele descreve quais os pontos de injeção que considera mais adequados para reposição de volume e a correção dos problemas estruturais da face. ​

Problemas estes decorrentes da reabsorção e reposicionamento ósseo (principalmente na região malar), diminuição de coxins adiposos que sustentam a face, da perda de colágeno (a partir dos 20 anos de idade), diminuição da elasticidade, aumento da flacidez, surgimento das rugas, etc ...todas alterações características do envelhecimento;  ou por outras causas que levam a perda de volume, como cicatrizes por acidentes, emagrecimento, marcas de acne, etc. 

A técnica facilita o planejamento e o trabalho dos médicos que realizam o procedimento, porém não é uma “receita de bolo”  tão simples e fácil. Necessita visão tridimensional das estruturas anatômicas da face e conhecimentos profundos de vascularização, musculatura, enervação e outros detalhes que fazem a diferença no resultado e na segurança do procedimento.

Alguns formatos de rosto se beneficiam mais dessa técnica de MD Codes, como os rostos finos e magros, com perda de volume e flacidez; enquanto outros necessitam mais cuidado ao preencher, como por exemplo os rostos cheios e arredondados, que já têm malar e bochechas mais marcados. 

As empresas que produzem o acido hialurônico (produto utilizado no MD Codes) geralmente prometem uma durabilidade na pele de 1 ou 2 anos, dependendo das características do produto, mas nos últimos anos temos percebido que os resultados muitas vezes duram muito mais, pelo estimulo de colágeno. É o inicio da percepção de um avanço no entendimento dos preenchedores da pele, a Biomodulaçao, que será tema de um post futuro.

Nao existe uma idade mínima ou máxima para realizar o MD Codes. O que deve existir é a indicação correta do procedimento, pois cada pessoa é única, e assim deve ser tratada. Afinal, nao desejamos que todos fiquem com a mesma cara. A diversidade é bela!

A desvantagem do MD Codes é a quantidade de seringas preconizadas: 3, 4, 5, 8, 12 ou mais...  o que muitas vezes se torna inviável para muitos pacientes. Uma maneira de amenizar esses custos é fazer um planejamento, mais a longo prazo, do que se deseja tratar e o resultado final após um ano ou mais é realmente surpreendente.


   

Preenchimentos ou Fillers - o que você precisa saber sobre!

Postado em: - Atualizado em:

Preenchimentos ou Fillers.

O que é um filler?

São substâncias, naturais ou sintéticas, biocompatíveis com o tecido humano, que são injetadas na pele e subcutâneo com o objetivo de aumentar o volume da região aplicada.  

Que tipo de material pode ser usado como filler?

Atualmente existem várias classes de substâncias que preenchem os requisitos necessários, exigidos pelas Agências de Saúde do Brasil e do mundo, para serem aplicadas na pele, que são: ser inerte, inócuo, biocompatível, estéril, apirogênico, hipoalergênico, não cancerígeno.

Existem inúmeras caraterísticas fisico-químicas que diferenciam os fillers uns dos outros e que influenciam na escolha de qual produto utilizar para cada região que se deseja preencher : 

Durabilidade - podem ser definitivos (metacrilato, silicone) ou absorvíveis (gordura, ácido hialurônico, caprolactona, ácido polilático).

Mecanismo de ação - ter resultado imediato, pelo volume aplicado; ou resultado mais a longo prazo, por incorporação de água no produto, bioestimulacão e aumento de colágeno.

Forma física dos produtos:

Pó - necessita ser diluído em água destilada ou soro para ser aplicado (sculptra); 

Liquido/pastosos (silicone, metacrilato, radiesse); 

Gel transparente (ácido hialurônico); Fios - de PDO e acido polilático; 

Encapsulados (próteses silicone - também consideradas como um tipo de preenchimento).

Origem dos produtos: Autólogos (originados da própria pessoa ) - Exemplo:  gordura, PRF; Heterólogos - todos os industrializados. 

Características desejadas dos Fillers: boa durabilidade, custo acessível, facilidade de aplicação e armazenamento.

Voltaremos ao tema na próxima postagem.