Autorizadas, duas novas creches de Franca atenderão 400 crianças

Além do São Joaquim e Jardim Palmeiras, Prefeitura investe em outras cinco unidades na cidade

Postado em: em Educação

Um dos grandes problemas da Educação Municipal em Franca é o número insuficiente de vagas nas creches. Para tentar resolver essa questão, a Prefeitura de Franca autorizou o início da construção de duas novas Creches Escola, uma no Jardim Palmeiras e outra no Bairro São Joaquim, cujas empresas responsáveis já começaram a trabalhar nos locais. São unidades que serão erguidas com recursos próprios, diante de uma negativa momentânea que houve do Governo Federal em celebrar um convênio que estava negociado, onde o montante a ser investido é da ordem de R$ 6,5 milhões. Juntas, elas somarão 400 novas vagas para as crianças que estão fora da rede.

      A Secretaria Municipal de Educação está fazendo o acompanhamento dos dois projetos, através de seu Departamento de Engenharia, informando que cada unidade terá capacidade para atender cerca de 200 crianças. A creche do São Joaquim será construída em uma área institucional situada na rua Antonio Modenezi, entre as ruas Demar Tozzi e Izabel Eliza de Lima. O trabalho inicial está limitado à limpeza do terreno e nivelamento do solo.
      A unidade do Jardim Palmeiras fica localizada entre as ruas Antônio Fortunato de Oliveira, Manoel Igino Leal e Pedro Silveira, também em uma área institucional pertencente ao município. A empresa iniciou neste meio de semana as primeiras atividades, removendo alguns equipamentos ali existentes e completando a limpeza.
     Além dessas duas Creches a Prefeitura está construindo a creche do Jardim Tropical - com 2,5 mil metros quadrados; as demais creches com 814 metros quadrados cada, mas todas com estruturas com pátio, refeitório, salas de aulas/atividades, informática, berçário, fraldário, sanitários e parque infantil -, também para 200 vagas, e outras cinco unidades, no Jardim Cambuí, Progresso/Paraíso, Esmeralda, Martins, Esmeraldas e São Jerônimo, que atenderão 700 crianças.

As creches atenderão crianças das faixas etárias de berçário I e II; maternal I e II; fase I e II, ou seja, de 4 meses a 5 anos e 11 meses. A previsão de inauguração de todas as creches é para o ano que vem. “Estamos trabalhando muito e queremos o quanto antes contemplar os pais com essas vagas em 5 regiões diferentes, o que vai representar tranquilidade para aqueles que trabalham e não têm onde deixar os filhos. Nessas creches serão 700 crianças atendidas e ainda trabalhamos na construção da creche-escola do Jardim Tropical, que atenderá mais 200 crianças”, destaca o prefeito Gilson de Souza.

Neste governo foram criadas 2.134 vagas no período de dois anos (2017 e 2018), com a inauguração de 9 creches: as dos jardins Palma, Paulistano, Luiza, Santa Efigênia, Guanabara, Palermo City, Quinta do Café/Peres Elias, Residencial Dourado, Vila Pedigoni e mais a creche do Jardim Riviera, que já existia, mas foi duplicada.

Em janeiro de 2019, Franca possuía 8.684 crianças matriculadas; em dezembro de 2018, eram 8.256 crianças; em dezembro de 2017, 7.631 crianças; e em dezembro de 2016; eram 6.550 crianças.

Hoje o município conta com 68 creches e, através do Governo Federal, via Fundeb e dotação própria como contrapartida, transfere os seguintes valores de acordo com a idade da criança: Berçário I R$ 625,93, Berçário II R$ 537,84, Maternal I R$ 484,99, Maternal II R$414,52 e Fase I e II R$ 403,12 por criança.

O montante de R$ 4 milhões é repassado mensalmente pela Prefeitura às creches credenciadas mediante chamamento público; os recursos são advindos do seu orçamento anual. 


Artigos Relacionados