Alarme, choque e spray de pimenta – conheça as capas de celular antifurto

Modelos mais modernos de capinha para celular podem transformar o aparelho em arma de defesa

Postado em: em Tecnologia

Você já teve ou conhece alguém que já teve seu smartphone furtado ou roubado? Provavelmente sim. Pensando em evitar ou pelo menos diminuir esses índices, foram criadas modelos de capas para celular que vão desde os básicos anéis que garantem mais segurança ao aparelho até dispositivos com choque, spray de pimenta e até mesmo facas acopladas.

Os equipamentos mais sofisticados são vendidos no exterior e, no Brasil, a maioria dos acessórios são apenas os básicos, com uma espécie de anel acoplado à parte traseira da capinha do celular. Basta segurar firme o aparelho e teclar confortavelmente, como diz os vendedores do acessório.

Há materiais e cores para todos os gostos: de plástico flexível para não machucar, sóbrios de metal, com desenhos de frutas, flores e até apliques com pedras brilhantes.

Antes de escolher a sua, é bom lembrar da recomendação dos especialistas de nunca reagir a um assalto.

Quem optar pelo modelo com anel deve ter outro cuidado, como alerta o especialista João Nakamoto, ortopedista especialista em mãos do Instituto Vita. Segundo ele, numa situação de furto, o celular pode ser puxado com violência. “Como o anel fica preso aos dedos, se o aparelho for puxado com violência, a força do movimento pode favorecer lesões como fraturas, luxações e, eventualmente, o chamado desenluvamento, quando a pele descola da estrutura dos dedos.

Soco inglês

Da marca Knucklecase, esse tipo de capinha transforma o aparelho celular em um soco inglês. O acessório está disponível para vários modelos de iPhone nas cores dourado, prata, chumbo e preto. O preço é um pouco salgado: R$ 420,00 – embora existam já cópias bem mais baratas. O detalhe: essa capinha pode causar transtornos na hora do embarque no aeroporto, por exemplo.

Muito barulho

Se você achou as possibilidades acima um pouco violentas, a Coyote Case promete ser uma opção. Menos discreta, essa capinha tem um alarme, que pode ser acionado por um botão. Além disso, o dispositivo manda mensagens de SMS para números pré-cadastrados pelo usuário com a localização do aparelho no GPS. Essa capinha turbinada custa aproximadamente R$ 400,00.

Arma de choque

Algumas empresas no exterior investiram em capinhas mais sofisticadas, como as produzidas pela empresa norte-americana Yellow Jacket, que tem uma arma de choque. Os eletrodos ficam na parte superior da proteção e podem ser acionados pelo usuário quando necessário. O equipamento está disponível para iPhone e custa a partir de R$ 450,00.

Spray de pimenta

Outra companhia que transformou o celular em arma de defesa foi a Spraytect, que tem um spray de pimenta acoplado à capinha. Disponível apenas para iPhone, custa aproximadamente R$ 80,00. No Brasil, o uso do spray de pimenta é restrito às forças de segurança.


Artigos Relacionados